Pular para o conteúdo principal

CAETÉ / UM DOS PRINCIPAIS DESTINOS PARA PRÁTICA DE ESPORTES RADICAIS


















SEJA BEM VINDO A CIDADE DE CAETÉ
foto - ?
CAETÉ TEM 40.750 HABITANTES - IBGE 2010
QUEM NASCE EM CAETÉ EH: CAETEENSE
A CIDADE FAZ ANIVERSÁRIO EM 14 DE FEVEREIRO E FOI FUNDADA EM 1.714
ORIGEM DO NOME

“Caeté", em língua tupi, significa "mato verdadeiro", através da junção dos termos ka'a ("mato") e eté ("verdadeiro")[7]. Sua denominação anterior era Vila Nova da Rainha.

HISTÓRIA

AS PRIMEIRAS entradas que desbravaram o planalto mineiro se realizaram no início do século XVII destacando-se a de André de Leão, as nascentes do rio São Francisco (1601-1602), e a de Nicolau Barreto a bacia do rio das Velhas (1602). A primeira a devassar a região de Caeté teria sido a de Lourenço Caetano Taques, como o indica a Carta Régia datada de 23 de março de 1664, ao louvar Taques pelos serviços prestados na descoberta das "Minas de Cataguás" e dos "Sertões de Caeté". Deve-se fixar o ano de 1663, ou talvez o de 1662, como o da penetração de Taques na região caeteense.
A Taques sucedeu na exploração do sertão de Caeté, Antônio Rodrigues Arzão, que conseguiu extrair de seu solo apreciável quantidade de ouro e que, ao abandonar a região. Iegou a um cunhado, Bartolomeu Bueno, os seus descobertos.
Estas entradas foram precursoras das bandeiras, expedições que completaram o desbravamento de toda região Planaltina mineira, deixando sua marca não só em suas linhas de penetração, mais tarde transformadas em caminhos e estradas, como ainda no estabelecimento de pousos, origem, muitas vezes, de futuros núcleos de população
A primeira bandeira a pisar o solo do atual Município teria sido a do paulista Leonardo Nardez (1701), que é citado pelo naturalista, geólogo e engenheiro de minas, Guilherme von Eschwege, em sua obra "Pluto Brasiliensis", como "descobridor de Caeté".
Não tardou muito que a descoberta de ouro em Caeté se fizesse conhecida em toda Colônia e atraísse levas de paulistas e forasteiros do litoral brasileiro e do Reino, vindos, sobretudo da Bahia pelo rio São Francisco, ficando o arraial já em 1704 muito povoado. Entre os seus primeiros povoadores, citam-se Frei Simão de Santa Teresa, que deu início, em 1704, a construção da igreja do Rosário; e Manuel Nunes Viana, estabelecido no sopé da serra da Piedade, onde extraiu 50 arrobas de ouro. 
AQUI O TRADICIONAL CORETO DA PRAÇA
foto - Paulo Yuji Takarada
SEDE DO PODER LEGISLATIVO - CÂMARA DE VEREADORES -
foto - Luís Macedo
CHAFARIZ
foto - Paulo Yuji Takarada
foto - Luís Macedo
MUSEU
foto - Luís Macedo
SOLAR DO TINOCO
foto - Luís Macedo
SEDE DO PODER EXECUTIVO - PREFEITURA -
foto - Luís Macedo
PREFEITURA E CASARÃO
foto - Paulo Yuji Takarada
PELOURINHO
foto - Luís Macedo
MATRIZ DE NOSSA SENHORA DO BONSUCESSO, SEU INTERIOR E NO CONTEXTO DA PRAÇA
foto - Paulo Yuji Takarada
foto - Paulo Yuji Takarada
foto - Paulo Yuji Takarada
IGREJA DE NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO E SEU INTERIOR
foto - Luís Macedo
foto - Luís Macedo
IGREJA DE NOSSA SENHORA DAS GRAÇAS
foto - Luís Macedo
IGREJA DE SANTA FRUTUOSA
foto - Luís Macedo
IGREJA DE SÃO FRANCISCO
foto - Luís Macedo
CONHEÇA UM POUCO MAIS DA CIDADE DE CAETÉ
foto - Luís Macedo
foto - Luís Macedo
foto - PMC
foto - PMC
foto - Luís Macedo
foto - Wikipédia
foto - Paulo Yuji Takarada
foto - Luís Macedo
foto - Luís Macedo
foto - Luís Macedo
foto - Paulo Yuji Takarada
foto - Luís Macedo
foto - Luís Macedo
foto - Luís Macedo
foto - Luís Macedo
foto - Luís Macedo
foto - Luís Macedo
CONHEÇA A BELÍSSIMA SERRA DA PIEDADE
AQUI A IGREJINHA NO ALTO DA SERRA
foto - Leandro Horta
foto - ?
foto - Paulo Yuji Takarada
foto - Luís Macedo
foto - Luís Macedo
foto - ?
foto - Luís Macedo
foto = PMC
ANTIGA ESTAÇÃO FERROVIÁRIA
foto - ?
IGREJA DE SANTO ANTÔNIO NO DISTRITO DE ANTÔNIO DOS SANTOS
foto - Luís Macedo
ESTE EH O BRASÃO DO MUNICÍPIO


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

DIANÓPOLIS / TOCANTINS - Berço cultural do estado, tem mais à oferecer, cascatas, cachoeiras, museu e "garganta"; platô da serra geral com cânions e mirantes

LINHA DO TEMPO DA CIDADE DE "DIANÓPOLIS" / TOCANTINS / BRASIL DIANÓPOLIS
BEM VINDO A CIDADE DE DIANÓPOLIS. CIDADE DO DIANOFOLIA
imagem - ? População estimada 2016 (1) - 21.457
Área da unidade territorial 2015 (km²) - 3.217,313
Densidade demográfica 2010 (hab/km²) - 5,94
Código do Município 1707009
Gentílico - dianopolino
ORIGEM DO NOME DE DIANÓPOLIS, TO
A origem do nome "Dianópolis" está relacionada a Francisco das Chagas Moura, que foi prefeito do município entre os anos de 1934 a 1938. Então, a cidade chamava-se "São José do Du•ro". "Duro" era uma simplificação de "D´ouro", uma vez que a região era rica em ouro em seu subsolo. Quando prefeito, Francisco Moura indicou que a cidade fizesse uma homenagem às senhoras do lugar que chamavam-se "Custodiana", conhecidas pela alcunha de "Diana". Daí a indicação da cidade passar a chamar-se "Dianópolis", quer dizer, "Terra das Dianas".
Gentílico: …

CATAGUASES / MINAS GERAIS - Venha ver e fazer filmes nesta cidade cinematográfica. Deixe saudades e leve lembranças

LINHA DO TEMPO DA CIDADE DE "CATAGUASES" / MINAS GERAIS / BRASIL “O nome Cataguases vem – pelo menos, até provas em contrário, pois muitas são as controvérsias nessa cidade em constante questionamento – , pois é, o nome Cataguases parece que vem de uma tribo de índios que habitava a região, os ‘Catu-auás’. Dizem que o nome catu-auá significa em tupi-guarani ‘terra de gente boa’. E Cataguases sabe receber muito bem. Quem bebe da água do Rio Pomba nunca deixa de voltar. Dizem. ” Confira alguns dos mais importantes pontos turísticos de Cataguases. Além de inúmeras obras artísticas e arquitetônicas modernas tombadas pelo IPHAN (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), Cataguases também oferece inúmeras construções marcantes do final do século XIX, belíssimas paisagens naturais, museus, centros culturais e muito mais! PONTE METÁLICA (DE 1.914) A construção da Ponte Metálica foi determinada em 1910, devido à solicitação do deputado federal Astolpho Dutra Nicácio. Ela…

BRAGANÇA / PARÁ - A cidade respira Fé, Tradição e Cultura, nas belezas de suas praias, manguezais, rios, igarapés e ilhas

LINHA DO TEMPO DA CIDADE DE "BRAGANÇA" / PARÁ / BRASIL  Bragança, localizada na região nordeste do Pará, a 210 quilômetros de Belém, capital do Estado, é um dos municípios mais procurados pelos turistas ao longo do ano, em especial durante as férias escolares.
Lar da Marujada, manifestação cultural que reúne milhares de pessoas no município para festejar São Benedito, Bragança tem praias oceânicas belíssimas, pra quem quiser aproveitar em qualquer época do ano.

A cidade, de origem portuguesa, guarda na sua cultura características religiosas marcantes e também festeja São Sebastião e Nossa Senhora de Nazaré.
Suas fronteiras são estratégicas. Assim, o município oferece o maior número de opções aos turistas: ao Norte está o oceano Atlântico, ao Sul, o município de Santa Luzia do Pará, a Leste os municípios de Augusto Corrêa e Vizeu e a Oeste, Tracuateua.

Na língua tupi, Caeté quer dizer 'mato grande' e, por estar localizada à margem esquerda do rio Caeté, Bragança é c…