Pular para o conteúdo principal

PIRACEMA / UMA CIDADE AMIGA E ENCANTADORA





Seja bem vindo à charmosa e encantadora cidade de Piracema.
foto - Thymonthy Becker
Piracema tem 6.575 habitantes - Estimativa IBGE 2013 - 
Quem nasce em Piracema eh: Piracemense
A cidade faz aniversário em 12 de dezembro e foi emancipada em 1.953
ORIGEM DO NOME
"Vila Conceição" - primeiro nome de Piracema - deu-se aproximadamente em meados de 1768.
Segundo a tradição, o nome primitivo do povoado - Rio de Peixe - teria sua origem na existência de grande quantidade de peixes encontrada por garimpeiros que procuravam ouro nos rios da região.
Outros contam que num dos rios próximos à cidade teria sido descoberto um enorme surubim.

A escolha do nome "Piracema", quiseram um nome que guardasse, mesmo panoramimante apenas, uma estreita ligação como nome anterior. Tal o demonstrou, o saudosimo dos rio-peixenses. A sugestão do nome "Piracema" segundo contam os ilustres habitantes, partir da idéia do Sr. José Ribeiro de Assis, que ao abrir uma lata de sardinha "Coqueiro", viu ali escrito o nome Piracema e, assim, Rio do Peixe fora batizado como Piracema.
HISTÓRIA
Habitado primeiramente pelos "Rodrigues", grandes proprietários de terras e senhores de escravos, como também por jagunços, pessoas pagas para fazerem serviços escusos. Lugar desprovido de recursos, que só tinha estradas de cavaleiros e carros de boi, motivo este de as correspondências levarem até três dias a serem postados nos correios, uma vez levados no lombo dos burros á distante Entre Rios de Minas, onde seriam postados no correio.
Pessoas que viveram nesse tempo contam, que após a promulgação da Lei No. 3353 denominada "Lei Áurea", pela Princesa Izabel, em 13 de maio de 1888, extinguindo o trabalho escravo, sem indenização e sem qualquer compreensão dos proprietários, foi formado no Rio de Peixe, um quilombo, hoje bairro "Fonte das Pedras".
Rio do Peixe era trilha dos bandeirantes que ali deixavam suas bandeiras, um lugar de muitas ribeiras, peixes e de grandes culturas. Lugar de cachoeiras, felinos e ipês, terra da subida dos peixes. Terra livre. Terra do vento, da chuva, terra da paz.
Lugar de pessoas ilustres, entre elas o dr. José Hermenegildo Rodrigues Vilaça, que se dispôs a exercer medicina num lugarejo atrasado, desprovido de recursos, onde não havia as mínimas condições para esta atividade e muito menos para a cirurgia. Sem hospital, sem farmacêutico, sem nenhum companheiro com quem pudesse trocar idéias, e mesmo assim, permaneceu oito anos no Rio do Peixe, até sua transferência para Juiz de Fora, onde se tornou pioneiro da cirurgia moderna no Brasil e no combate da infecção hospitalar no Brasil, em fins do século passado. Sua vida, seus feitos estão narrados no livro "O Doutor Vilaça - Pioneiro da Cirurgia Moderna no Brasil", da autoria de J.B. de Resende Alves, publicado em 1982 e lançado pela Cooperativa Editora e de Cultura Médica Ltda., Belo Horizonte.
AQUI O ESTÁDIO MUNICIPAL
foto - Thymonthy Becker
A PADARIA EH DE NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO
foto - Thymonthy Becker
GINÁSIO POLIESPORTIVO
foto - Thymonthy Becker
VELÓRIO MUNICIPAL
foto - Thymonthy Becker
POSTO DE SAÚDE DA FAMÍLIA
foto - Thymonthy Becker
A BONITA MATRIZ DE NOSSA SENHORA DAS NECESSIDADES
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Luciana reis
CONHEÇA UM POUCO MAIS DESTA ACONCHEGANTE CIDADE
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
O CARRO DO BATENTE SENDO ABASTECIDO
foto - Thymonthy Becker
AQUI NA CERÂMICA PIRACEMA
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
O BELÍSSIMO ENTORNO DA CIDADE
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
ESTA EH A BANDEIRA DO MUNICÍPIO
ESTE EH O BRASÃO DA CIDADE



VALEU PELA VISITA - SEMPRE

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

DIANÓPOLIS / TOCANTINS - Berço cultural do estado, tem mais à oferecer, cascatas, cachoeiras, museu e "garganta"; platô da serra geral com cânions e mirantes

LINHA DO TEMPO DA CIDADE DE "DIANÓPOLIS" / TOCANTINS / BRASIL DIANÓPOLIS
BEM VINDO A CIDADE DE DIANÓPOLIS. CIDADE DO DIANOFOLIA
imagem - ? População estimada 2016 (1) - 21.457
Área da unidade territorial 2015 (km²) - 3.217,313
Densidade demográfica 2010 (hab/km²) - 5,94
Código do Município 1707009
Gentílico - dianopolino
ORIGEM DO NOME DE DIANÓPOLIS, TO
A origem do nome "Dianópolis" está relacionada a Francisco das Chagas Moura, que foi prefeito do município entre os anos de 1934 a 1938. Então, a cidade chamava-se "São José do Du•ro". "Duro" era uma simplificação de "D´ouro", uma vez que a região era rica em ouro em seu subsolo. Quando prefeito, Francisco Moura indicou que a cidade fizesse uma homenagem às senhoras do lugar que chamavam-se "Custodiana", conhecidas pela alcunha de "Diana". Daí a indicação da cidade passar a chamar-se "Dianópolis", quer dizer, "Terra das Dianas".
Gentílico: …

CATAGUASES / MINAS GERAIS - Venha ver e fazer filmes nesta cidade cinematográfica. Deixe saudades e leve lembranças

LINHA DO TEMPO DA CIDADE DE "CATAGUASES" / MINAS GERAIS / BRASIL “O nome Cataguases vem – pelo menos, até provas em contrário, pois muitas são as controvérsias nessa cidade em constante questionamento – , pois é, o nome Cataguases parece que vem de uma tribo de índios que habitava a região, os ‘Catu-auás’. Dizem que o nome catu-auá significa em tupi-guarani ‘terra de gente boa’. E Cataguases sabe receber muito bem. Quem bebe da água do Rio Pomba nunca deixa de voltar. Dizem. ” Confira alguns dos mais importantes pontos turísticos de Cataguases. Além de inúmeras obras artísticas e arquitetônicas modernas tombadas pelo IPHAN (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), Cataguases também oferece inúmeras construções marcantes do final do século XIX, belíssimas paisagens naturais, museus, centros culturais e muito mais! PONTE METÁLICA (DE 1.914) A construção da Ponte Metálica foi determinada em 1910, devido à solicitação do deputado federal Astolpho Dutra Nicácio. Ela…

BRAGANÇA / PARÁ - A cidade respira Fé, Tradição e Cultura, nas belezas de suas praias, manguezais, rios, igarapés e ilhas

LINHA DO TEMPO DA CIDADE DE "BRAGANÇA" / PARÁ / BRASIL  Bragança, localizada na região nordeste do Pará, a 210 quilômetros de Belém, capital do Estado, é um dos municípios mais procurados pelos turistas ao longo do ano, em especial durante as férias escolares.
Lar da Marujada, manifestação cultural que reúne milhares de pessoas no município para festejar São Benedito, Bragança tem praias oceânicas belíssimas, pra quem quiser aproveitar em qualquer época do ano.

A cidade, de origem portuguesa, guarda na sua cultura características religiosas marcantes e também festeja São Sebastião e Nossa Senhora de Nazaré.
Suas fronteiras são estratégicas. Assim, o município oferece o maior número de opções aos turistas: ao Norte está o oceano Atlântico, ao Sul, o município de Santa Luzia do Pará, a Leste os municípios de Augusto Corrêa e Vizeu e a Oeste, Tracuateua.

Na língua tupi, Caeté quer dizer 'mato grande' e, por estar localizada à margem esquerda do rio Caeté, Bragança é c…