Pular para o conteúdo principal

COZINHA MINEIRA / MINAS DE MUITOS SABORES





CHÃO DE CIMENTO QUEIMADO, FOGÃO CONSTRUÍDO A PARTIR DE TÉCNICAS TRADICIONAIS, QUANDO NÃO FEITO A PARTIR DOS CUPINZEIROS QUE SURGEM NOS PASTOS OU DE LATÕES EMBUTIDOS NAS GROSSAS PAREDES DE ADOBE. 
imagem - ?
LINGUIÇAS OU CARNES DEFUMANDO, DEPENDURADAS. CHAMINÉ ATIVA, FUMAÇA SUBINDO PELO CÉU, AVISANDO COM SEU AROMA TÍPICO DA ROÇA QUE HÁ QUITANDAS OU "COMIDAS DE ANGU" ESPERANDO OS COMENSAIS. 
imagem - ?
QUE MINEIRO NUNCA VIVEU ESSA EXPERIÊNCIA GASTRONÔMICA TÍPICA MINEIRA, NEM QUE SEJA EM UM DOS MUITOS RESTAURANTES TÍPICOS DE COMIDA MINEIRA? SÃO MUITOS OS CEREAIS, SÃO MUITAS AS FORMAS DE SE FAZER UM ANGU COM FUBÁ DE MOINHO D'ÁGUA, DE REFOGAR VERDURAS DA HORTA OU DOS QUINTAIS, COMO COUVE, ALMEIRÃO, TAIOBA, CANSANÇÃO, ORA-PRO-NOBIS... 
imagem - ?
O QUE DIZER DO QUIABO, DA ABÓBORA-MENINA, DA ABOBRINHA? E O PASTEL DE ANGU? E O GALOPÉ? E O CHUCHU COM BACALHAU? O TORRESMO CROCANTE, A CARNE NA LATA DE GORDURA, O PERNIL TEMPERADO, O LEITÃO À PURURUCA, O FEIJÃO TROPEIRO, O FRANGUINHO CAIPIRA? 
imagem - ?
NÃO HÁ COMO NÃO VENERAR ESSA RAIZ CABOCLA, CAIPIRA QUE TEMOS NAS MINAS GERAIS E QUE FAZ DA NOSSA COZINHA UMA DAS MAIS SABOROSAS DO PAÍS, RECEBENDO INFLUÊNCIAS QUE VÃO DOS INDÍGENAS AOS AFRICANOS, PASSANDO, OBVIAMENTE, PELOS COLONIZADORES EUROPEUS. 
imagem - ?
POR ISSO, A CHAMADA COZINHA TRADICIONAL OU TÍPICA MINEIRA FOI FORJADA A PARTIR DOS SÉCULOS XVIII E XIX E EM DOIS MOMENTOS DISTINTOS E COMPLEMENTARES: O DE ESCASSEZ, NO AUGE DA MINERAÇÃO DO OURO, E O DE FARTURA, COM A RURALIZAÇÃO DA ECONOMIA REGIONAL.  
imagem - ?
ESSA ORIGEM E COMPOSIÇÃO DA COZINHA TRADICIONAL E TÍPICA MINEIRA QUE A NÓS FOI LEGADA NOS REMETE À ANÁLISE DE DOIS PERÍODOS HISTÓRICOS QUE MARCARAM A VIDA ECONÔMICA, SOCIAL, POLÍTICA E CULTURAL EM MINAS GERAIS: O PERÍODO DA MINERAÇÃO, CUJO APOGEU SE DEU NO SÉCULO XVIII; E O PERÍODO DA "RURALIZAÇÃO", MOMENTO DE CONCENTRAÇÃO DA VIDA ECONÔMICA E SOCIAL NAS FAZENDAS, QUE SUCEDEU AO DECLÍNIO DAS MINAS E DUROU DO FINAL DO SÉCULO XVIII ATÉ O INÍCIO DO SÉCULO XX.
imagem - ?
ALGUNS DOS PRINCIPAIS PRATOS DA CULINÁRIA REGIONAL MINEIRA, COMO O FEIJÃO TROPEIRO, O ANGU DE MILHO VERDE OU DE FUBÁ COM FRANGO, A PAÇOCA DE CARNE SECA, FAROFAS, COUVE, O LOMBO E O PERNIL ASSADOS, LEITÃO À PURURUCA, O TORRESMO, O TUTU E TODA UMA SÉRIE DE PRATOS EM QUE PREDOMINAM AS CARNES DE PORCO E DE FRANGO ATRAVESSARAM OS SÉCULOS ATÉ CHEGAR A NÓS COMO UM VERDADEIRO MANJAR DOS DEUSES PARA AGRADAR AO CÉU DE NOSSA BOCA...
imagem - ?
TRADIÇÃO RENOVADA
DOS ÍNDIOS VIERAM O ESCALDADO, O PIRÃO, A PAÇOCA, AS FAROFAS, OS PRATOS À BASE DE MANDIOCA E DE MILHO, QUE SE DERIVARAM PARA AS CANJICAS, MINGAUS E PAPAS. DOS PORTUGUESES PROVEIO A UTILIZAÇÃO DO OVO DA GALINHA, QUE PROPICIOU UM FARTO RENDIMENTO CULINÁRIO: FRITADAS, DOCES, BOLOS, OVOS COZIDOS, ESTRELADOS, QUENTES, MOLES, BABA-DE-MOÇA, DOCE DE OVOS, FIOS DE OVOS E GEMADA COM VINHO DO PORTO.
imagem - ?
O AÇÚCAR CONQUISTOU A TODOS. ESCRAVOS, SERTANEJOS, CAÇADORES, ROMEIROS TINHAM NA RAPADURA COM FARINHA UMA PROVISÃO NACIONAL. EM MINAS, MELADO COM FARINHA E, MAIS TARDE, COM QUEIJO, TORNOU-SE RECEITA CONSAGRADA DE GERAÇÃO EM GERAÇÃO. 
imagem - ?
SURGIA A SOBREMESA, QUE NATIVOS E AFRICANOS DESCONHECIAM, REPRODUZINDO-SE E RECRIANDO-SE DOCES QUE JÁ ERAM PARTE DA TRADIÇÃO PORTUGUESA, ADICIONADOS A ELEMENTOS NACIONAIS COMO AMENDOINS E CASTANHAS NATIVAS, PACOVAS (BANANAS DA TERRA), CAJUS, ARAÇÁS E ANANASES. AS COMPOTAS APROVEITARAM AS FRUTAS NATIVAS E AQUELAS QUE O PORTUGUÊS TROUXE PARA OS QUINTAIS BRASILEIROS. 
imagem - ?
OS ENGENHOS LOCAIS FORNECERAM A RAPADURA, MELADO OU AÇÚCAR. A PREFERÊNCIA PELO DOCE EM RELAÇÃO ÀS FRUTAS FOI UMA INFLUÊNCIA LUSA QUE SE MANTÉM ATÉ OS DIAS ATUAIS COM MUITA VARIEDADE E FARTURA NAS MESAS TRADICIONALMENTE MINEIRAS.
imagem - ?
MISTURAS FINAS
NAS CASAS, NO COTIDIANO, A LÓGICA DA ECONOMIA DE TEMPOS DIFÍCEIS IMPÔS OS ALIMENTOS COZIDOS E O APROVEITAMENTO DE TUDO, INCLUSIVE DAS SOBRAS, GERANDO COMPOSIÇÕES IGUALMENTE SABOROSAS. AS FAROFAS E AS SOPAS APROVEITAVAM AS SOBRAS DE CARNES, LEGUMES, FEIJÕES E VERDURAS, QUE AINDA COMPÕEM O CARDÁPIO DO MINEIRO CONTEMPORÂNEO.  
imagem - ?
O MEXIDO, ( OU MEXIDÃO) UMA MISTURA DE TUDO QUE SOBROU, ERA COMIDO NA PRIMEIRA REFEIÇÃO DA MANHÃ, ANTES DA SAÍDA PARA A LIDA OU NO JANTAR. ESSE PRATO PERDURA AINDA HOJE, SOBRETUDO EM FAZENDAS, NO INTERIOR DE MINAS GERAIS OU NAS MADRUGADAS DA CAPITAL MINEIRA, EM MUITOS RESTAURANTES DE CARDÁPIO MAIS POPULAR E NOS BOTECOS.
imagem - ?
O LOMBO, A LEITOA E A GALINHA ASSADOS ERAM PRATOS DE FESTA, DE DOMINGO, DE VISITAS. NA INTIMIDADE DO DIA-A-DIA, OS COZIDOS PREDOMINAVAM: O FEIJÃO, O ANGU, O MEXIDO, VERDURAS E LEGUMES COZIDOS, OU OS LEGUMES COM CARNE,  FRANGO COM QUIABO, POR EXEMPLO, MANDIOCA E CANJIQUINHA COM CARNE, PODENDO SER COSTELA OU SUÃ DE PORCO, COSTELA DE VACA E OUTROS.
imagem - ?
PÉS NO CHÃO, OLFATO NA COZINHA
LEITE EM ABUNDÂNCIA, QUEIJOS VARIADOS E OVOS POSSIBILITARAM A AMPLIAÇÃO DAS QUITANDAS E DOCES - LEGADOS DA TRADIÇÃO PORTUGUESA. A CANJICA COM LEITE ERA SOBREMESA CONSTANTE NAS FAZENDAS E, EM ALGUMAS CASAS, ERA A CEIA MAIS APRECIADA ANTES DE SE DEITAR. COM O ACRÉSCIMO DO AMENDOIM, FEZ-SE A NOSSA CANJICADA. 
imagem - ?
A CARNE DE VACA SE TORNOU MAIS PRESENTE NA MESA MINEIRA, MAS DEMOROU UM SÉCULO PARA SUBSTITUIR O COSTUME DE CONSUMIR, PREFERENCIALMENTE, CARNE DE FRANGO E DE PORCO, QUE AINDA HOJE PREDOMINAM NOS PRATOS TÍPICOS. A PRESENÇA DO CAFÉ TAMBÉM SE TORNOU DEFINITIVA. O BULE NO FOGÃO A LENHA É UM FORTE ELEMENTO DO CENÁRIO DA COZINHA MINEIRA, ONDE O CAFÉ, SEMPRE QUENTINHO, ERA SERVIDO ACOMPANHANDO AS QUITANDAS, NO ENCERRAMENTO DAS REFEIÇÕES, OU NA PRIMEIRA REFEIÇÃO DO DIA, ADOÇADO COM RAPADURA.
imagem - ?
QUITANDAS E QUEIJOS
EM MINAS, O QUEIJO, QUE HOJE É UMA DAS MAIS FORTES IDENTIDADES CULINÁRIAS DO ESTADO, FOI IMPORTADO DE OUTRAS REGIÕES DO PAÍS, ATÉ O FINAL DO SÉCULO XVIII. NO CARDÁPIO DO INÍCIO DO SÉCULO XIX, OS QUEIJOS APARECIAM CITADOS À SOBREMESA, ACOMPANHANDO DOCES OU COMO COMPLEMENTO DE CEIAS NOTURNAS. 
imagem - ?
NO CAFÉ DA MANHÃ, ACOMPANHAVAM FARINHA, CAFÉ, OU ANGU COM LEITE.  A EXPANSÃO DO CONSUMO DE QUEIJO EM MINAS OCORREU COMO CONSEQÜÊNCIA DA NECESSIDADE DE SE APROVEITAR O LEITE NOS LOCAIS DA PROVÍNCIA ONDE SE INTENSIFICAVA A PECUÁRIA. HOJE, O QUEIJO DE MINAS OU FRESCAL É IGUARIA MINEIRA DISPUTADA POR TURISTAS DE TODO O PAÍS E ARTIGO VENDIDO NOS AEROPORTOS QUASE COMO UM SOUVENIR DA CULTURA GASTRONÔMICA REGIONAL.

Referência bibliográfica: Abdala, Mônica Chaves in Revista do Arquivo Público Mineiro, Ano XLII - N º 2 - Julho-Dezembro de 2006.



 SUA VISITA AGRADECEMOS E ESPERAMOS QUE SEMPRE VOLTE.
UM DIA DESTES QUALQUER, A GENTE SE ENCONTRA EM ALGUM LUGAR DE MINAS
ATÉ ESTE DIA INTÃO.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

PEDRA AZUL / FORTALEZA DE PEDRAS

BOM DIA. SEJA MUITO BEM VINDO A PEDRA AZUL. A FORTALEZA DE MINAS. copyrigth "Paulo Marcio"
PEDRA AZUL EH UMA CIDADE QUE FICA NO VALE DO JEQUITINHONHA E TEM ATUALMENTE: 23.843 HABITANTES (IBGE 2010) QUE NASCE EM PEDRA AZUL É: PEDRA-AZULENSE (PEDRAZULENSE) O IDH DO MUNICÍPIO É DE: 0,660 - CONSIDERADO MÉDIO PELOS INDICADORES DA ONU. A TEMPETATURA MÉDIA DA CIDADE É DE: 24°. FORAM REALIZADOS EM PEDRA AZUL, 77 CASAMENTOS EM 2010. NÃO ACONTECEU NENHUMA SEPARAÇÃO E NENHUM DIVORCIO. A CIDADE FAZ ANIVERÁRIO EM 1º DE JUNHO. A pecuária, atividade primeira na história econômica do lugar, continua sendo básica para a sua receita. Colonizada por vaqueiros nordestinos, que ali chegaram em busca de pastagens para seu gado, a região herdou deles a tradição do trato com grandes rebanhos, principalmente o gado de corte, mas não se esqueceu dos cuidados com o subsolo. Os primeiros moradores do atual município foram Manoel José Botelho, em 1822, e o padre Manoel Fernandes, em 1834, após o grande incêndio …

DIANÓPOLIS / TOCANTINS - Berço cultural do estado, tem mais à oferecer, cascatas, cachoeiras, museu e "garganta"; platô da serra geral com cânions e mirantes

LINHA DO TEMPO DA CIDADE DE "DIANÓPOLIS" / TOCANTINS / BRASIL DIANÓPOLIS
BEM VINDO A CIDADE DE DIANÓPOLIS. CIDADE DO DIANOFOLIA
imagem - ? População estimada 2016 (1) - 21.457
Área da unidade territorial 2015 (km²) - 3.217,313
Densidade demográfica 2010 (hab/km²) - 5,94
Código do Município 1707009
Gentílico - dianopolino
ORIGEM DO NOME DE DIANÓPOLIS, TO
A origem do nome "Dianópolis" está relacionada a Francisco das Chagas Moura, que foi prefeito do município entre os anos de 1934 a 1938. Então, a cidade chamava-se "São José do Du•ro". "Duro" era uma simplificação de "D´ouro", uma vez que a região era rica em ouro em seu subsolo. Quando prefeito, Francisco Moura indicou que a cidade fizesse uma homenagem às senhoras do lugar que chamavam-se "Custodiana", conhecidas pela alcunha de "Diana". Daí a indicação da cidade passar a chamar-se "Dianópolis", quer dizer, "Terra das Dianas".
Gentílico: …

RIBEIRÃO DAS NEVES / MG

BEM VINDO A CIDADE DE RIBEIRÃO DAS NEVES. A MAIOR HETEROGENEIDADE RELIGIOSA DO BRAZIL imagem  - Reo 06 RIBEIRÃO DAS NEVES TEM 296.317 HABITANTES - IBGE 2010 QUEM NASCE EM RIBEIRÃO DAS NEVES EH: NEVENSE A CIDADE FAZ ANIVERSÁRIO EM 12 DE DEZEMBRO E FOI EMANCIPADA EM 1.953 ORIGEM DO NOME Muito se fala sobre o nome Ribeirão das Neves, mas pouco sabemos oficialmente sobre este nome. Temos duas versões: Primeira versão: Advém do córrego que passa cortando o centro da cidade. Segundo a lenda, este pequeno córrego que nasce no Morro do Anil, próximo ao Bairro Várzea Alegre, em épocas de frio, ficava com uma temperatura bem abaixo, a ponto de esfriar o suficiente para ocasionar gelo. Dai o nome RIBEIRÃO DAS NEVES. Segunda versão: Advém da Padroeira do Município, Nossa Senhora das Neves, que segundo a lenda, apareceu para alguns fiéis, no alto do morro central que separa o centro comercial do Bairro Santa Martinha. Hoje, próximo ao Cemitério Senhor da Paz, cuja imagem demonstrava beleza e altivez. Seus…

PEQUI / MINAS GERAIS - Descer de tobogã em cachoeira numa belíssima vista da cidade e cidades vizinhas, com existência de grutas, grotas e rica vegetação natural

LINHA DO TEMPO DA CIDADE DE "PEQUI" / MINAS GERAIS / BRASIL foto (acima) Thymonthy Becker BEM VINDO A CIDADE DE PEQUI. AOS PÉS DA SERRA DO RIO DO PEIXE. Pórtico da estrada da cidade de Pequi, Minas Gerais foto - Thymonthy Becker População estimada 2016 (1) - 4.369 Área da unidade territorial 2015 (km²) - 203,991 Densidade demográfica 2010 (hab/km²) - 19,98 Código do Município 3149606 Gentílico - pequiense ORIGEM DO NOME O termo significa, em tupi, "coxa áspera", e origina-se de um velho e frondoso pequizeiro, que existiu em frente a uma venda no largo da igreja, cuja sombra abrigava a população que ali se reunia Gentílico: pequiense Histórico Pequi  Minas Gerais - MG HISTÓRICO A fixação da povoação do atual município deve-se, principalmente, aos solos férteis e ao grande número de córregos e riachos que cortam a região. Pequi foi criada em 1841, quando o distrito de Santo Antônio de São Joanico, no município de Pitangui, foi dividido em dois: Pequi e Maravilha.…

POÇOS DE CALDAS

BOM DIA. BEM VINDO A CIDADE DAS ROSAS / BEM VINDO A POÇOS DE CALDAS MONTANHAS DA REGIÃO copyrigth "Enioprado" POÇOS DE CALDAS TEM HOJE 152.496 HABITANTES O IDH DO MUNICÍPIO EH DE: 0.841 - CONSIDERADO ELEVADO PELOS INDICADORES DA ONU. A CIDADE FAZ ANIVERSÁRIO EM 06 DE NOVEMBRO E FOI FUNDADA EM 1872 QUEM NASCE EM POÇOS DE CALDAS EH: POÇOS-CALDENSE. HISTÓRIA A região onde se localiza o atual Município de Poços de Caldas foi inicialmente habitada pelos indios Cataguases que, em 1675, ofereceram combate e venceram a célebre bandeira de Lourenço Castanho, cognominado "O Velho". Com a busca de pastagens para manter a pecuária valorizou-se a região dos "Campos de Caldas'', como passou a ser chamado o local. Com isto, facilitou a instalação do núcleo pastoril que, economicamente, substituiu a lavra e grupiara. Entre os que vieram para os "Campos de Caldas", nos últimos anos de 1700, encontrava-se o Padre Manoel Gonçalves Correia, que instalou uma fazenda no &q…

SETE LAGOAS / MG - CIDADE DAS LAGOAS ENCANTADAS - TERRA NATAL DO TRAPALHÃO "ZACARIAS"

BEM VINDO A CIDADE DE 7 LAGOAS. CIDADE NASCIDA PARA O ALTO. TERRA NATAL DO TRAPALHÃO ZACARIAS imagem - ? 7 LAGOAS TEM 214.152 HABITANTES - IBGE 2010 -  QUEM NASCE EM 7 LAGOAS EH: SETE LAGOANO A CIDADE FAZ ANIVERSÁRIO EM 24 DE NOVEMBRO E FOI FUNDADA EM 1.880 ORIGEM DO NOME O nome da cidade é uma referência as sete lagoas que foram encontradas quando da fundação da cidade. Com o passar dos anos novas lagoas foram descobertas e a cidade conta com mais de trinta lagoas em todo seu território. HISTÓRIA Os primeiros civilizados que chegaram às terras " das Sete Lagoas", foram alguns componentes da bandeira de Fernão Dias Leme - o "caçador de esmeraldas", que em 1667, estacionados no Sumidouro, foram atraídos pela possibilidade da existência de minério argentífero no Serrote das Sete Lagoas. Ali se demorou a bandeira, acerca da qual, pela primeira vez, a história se refere á extensa planície coberta por lindas lagoas, a qual os indígenas davam o nome de "Vapabuçu". De 1…

IGATU / BAHIA - Vales profundos, chapadões, verde misturado ao cinza, marrom e rosa da secura do sertão e vento zunindo que da vozes às pedras

LINHA DO TEMPO DE "IGATU" / BAHIA / BRASIL SEJA BEM VINDO AO DISTRITO DE IGATU. A CIDADE DE PEDRAS / A MACHU PICCHU BRASILEIRA foto - Chico Ferreira O trajeto até a vila já é uma atração: a estrada de acesso pela BA-142 é cheia de mirantes naturais. 
Ao chegar, a impressão é de ter voltado no tempo, quando igatu era chamada de Xique Xique e famosa pela extração de diamantes.  foto - Prefeitura Municipal de Andaraí foto - Otávio Nogueira Dessa época, sobraram ruínas, principalmente de casas de garimpeiros, e utensílios, preservados na imperdível Galeria Arte & Memória.
Entre no verbete Chapada Diamantina para ver mais dicas de roteiros, passeios, como chegar, como circular e restaurantes na região. foto - Otávio Nogueira foto - Otávio Nogueira IGATU é uma verdadeira cidade de pedra. "Sagrada" pra quem viveu lá durante o auge do ciclo do diamante. 
Hoje não há farmácias, o hospital mais próximo fica em Andaraí, a 12 km. Em outros tempos quem diria? Cabarés, cassinos, lojas, …

CARATINGA / CIDADE ESPERANÇA / TERRA DAS PALMEIRAS

SEJA SEMPRE BEM VINDO A CIDADE DE CARATINGA. A CIDADE DO MENINO MALUQUINHO
copyrigth "?" ORIGEM DO NOME
A denominação do município Caratinga, de origem indígena, (cará / tinga = branco) é devido à falta de alimentação diversificada, o que fazia com que os primeiros habitantes da região se alimentassem de um tubérculo muito encontrado na região na época do povoamento, um cará-branco que servia de alimento para os índios CARATINGA TEM ATUALMENTE, 85.322 HABITANTES. QUEM NASCE EM CARATINGA É: CARATINGUENSE. O IDH DO MUNICÍPIO É DE: 0,754 - CONSIDERADO MÉDIO PELOS INDICADORES DA ONU. A CIDADE FAZ ANIVERSÁRIO EM 24 DE JUNHO. FOI FUNDADA EM 1848 EM CARATINGA, FORAM REALIZADOS EM 2010, 513 CASAMENTOS 056 SEPARAÇÕES 079 DIVÓRCIOS. HISTÓRIA
Em 1841 aportou por estas terras o grande desbravador Domingos Fernandes Lana, que aqui permaneceu até 1847.
No final desse ano, João Caetano do Nascimento, João Antônio de Oliveira e João José, bravos pioneiros, vieram de mudança, trazendo suas famílias,…

AS 10 MELHORES CIDADES DO MUNDO PARA SE VIVER - Hong Kong, uma fascinante metrópole cosmopolita, com 7 milhões de habitantes e combina a cultura oriental com a ocidental, livre comércio, baixos impostos; lidera

LINHA DO TEMPO DAS "10 MELHORES CIDADES DO MUNDO PARA SE VIVER" / WORLD O ECONOMIST INTELLIGENCE UNIT (EIU) DIVULGOU UM NOVO RANKING LISTANDO AS 10 MELHORES CIDADES DO MUNDO PARA SE VIVER. A LISTA, QUE TEM CAUSADO DEBATES, TRAZ HONG KONG EM PRIMEIRO LUGAR.
1° - HONG KONG (CHINA)
Uma fascinante metrópole cosmopolita, com 7 milhões de habitantes e 1,1 mil km² de área, que combina a cultura oriental com a ocidental. Sua população tem um padrão de vida comparável ao das grandes potências, com um PIB per capita de 43,8 mil dólares. O custo de vida da cidade, entretanto, é um dos mais caros do mundo. É o principal centro comercial da China. Possui uma economia de livre mercado, baixos impostos e mínima intervenção do governo central, seguindo a filosofia de "um país, dois sistemas".

2° - AMSTERDÃ (HOLANDA)
Amsterdã é prática, moderna e vanguardista. E essas qualidades de certa forma resumem as características de toda a Holanda, um país de território minúsculo que foi uma g…

RIO PARDO DE MINAS / NAS SETE QUEDAS QUE ENCANTAM

BEM VINDO A CIDADE DE RIO PARDO DE MINAS.
imagem - ?
RIO PARDO DE MINAS TEM 29.099 HABITANTES - IBGE 2010 -
QUEM NASCE EM RIO PARDO DE MINAS EH: RIOPARDENSE
A CIDADE FAZ ANIVERSÁRIO EM 13 DE OUTUBRO E FOI FUNDADA EM 1.831
ORIGEM DO NOME