Pular para o conteúdo principal

PALÁCIO DE SHONBRUNN / ÁUSTRIA - UM PASSEIO IMPERDÍVEL, NÃO SÓ PELOS BELOS QUARTOS E JARDINS, MAS POR SER UMA AULA DE HISTÓRIA EM ESTADO PURO




LINHA DO TEMPO DO "PALÁCIO DE SHONBRUNN" / VIENA / ÁUSTRIA 
O magnífico palácio de verão dos Habsburgo, o Schönbrunn, é um dos passeios imperdíveis em Viena, não só por seus belos quartos decorados e extensos jardins, mas também por ser uma aula de história em estado puro
Cercado de jardins vastíssimos e belos, o Palácio Schonbrunn foi onde a dinastia Hobsburgo deixou de lado a sua relativa austeridade. Mais luxuoso e ornamentado que o Hofburg, ele é, para muitos, o mais impressionante da cidade. Seus ricos aposentos, onde viveram o imperador Francisco José e sua amada Sissi (diz-se que a recíproca não era a mesma), além da poderosa imperatriz Maria Theresia, são um deslumbre. O salão de baile, com seus grandes espelhos e candelabros, são um dos destaques. 
O Palmenhaus são grandes estufas nos jardins do Palácio Schönbrunn, abertas no século 19. Desde então guardam inúmeras espécies botânicas de diversas partes do globo
Seus amplos jardins, que contam com um parque zoológicos, sebes bem podadas, arranjos florais, estátuas e fontes, é um passeio ótimo para toda a família. Do alto do Belvedere há um café que serve uma excelente torta de maçã. Ótimo passeio para as crianças. 
Das origens razoavelmente simples no século 16 aos mais de mil aposentos rococó de Maria Teresa Habsburgo, o Schönbrunn foi o centro do poderoso Império Austro-Húngaro
O Schloss Schonbrunn é muito amplo e fica próximo do centro de Viena, sendo acessível por metrô (linha U4) e os trams número 10 e 58. A infraestrutura é muito boa, com vários banheiros (inclusive aqueles para cadeirantes), fraldários, lanchonetes, café, loja de lembranças e passeios guiados. 
Jardim Grand Parterre, no Palácio Schönbrunn
Há dois tipos de tours: no Imperial você passará por diferentes estilos arquitetônicos do conjunto, em um total de 22 câmaras, inclusive as salas estatais e os quartos privados de Francisco José e Sissi. No Grand Tour, o passeio é acrescido pelos aposentos e salas ricamente decorados de Maria Theresia, totalizando 40 cômodos.
O Gloriette é uma pequena galeria sobre uma colina nos jardins do palácio Schönbrunn. Hoje abriga um agradável café
Nos jardins, um café tradicional serve uma receita ancestral de torta de maçã (apfelstrudel). Não deixe de provar. 
O Schönbrunn serviu como residência do imperador Franz Joseph I e sua esposa Sissi, um dos mais emblemáticos casais reais da virada do século 19 para 20. Parte de seus aposentos estão preservados tal como deixados por eles
Horário de funcionamento: 
Abre diariamente: de abril a junho, das 8h30 às 17h30. Em julho e agosto, das 8h30 às 18h30. Em setembro e outubro, das 8h30 às 17h30. De novembro a março, das 8h30 às 17h 
Formas de pagamento: 
Adultos: € 10, 50 (Tour Imperial), € 13, 50 (Grand Tour). Há descontos para maiores de 65 anos, crianças e estudantes.
O PALÁCIO DE SCHÖNBRUNN 
Um ponto turístico da cidade de Viena e um dos grandes ícones da Áustria que você não pode deixar de visitar.
(EM ALEMÃO, SCHLOSS SCHÖNBRUNN), CONHECIDO TAMBÉM COMO O PALÁCIO DE VERSALHES DE VIENA.

É UM DOS PRINCIPAIS MONUMENTOS HISTÓRICOS E CULTURAIS DA ÁUSTRIA. ESTÁ LOCALIZADO NO HIETZING, O 13 º DISTRITOS DE VIENA.
O SEU NOME DERIVA DE UMA FRASE ATRIBUÍDA AO IMPERADOR MATIAS, QUE TERÁ "DESCOBERTO" UM POÇO ENQUANTO CAÇAVA POR ALI, EXCLAMANDO "WELCH' SCHÖNER BRUNN" ("QUE BELA NASCENTE").
CONSTRUÍDO COMO RESIDÊNCIA PARA A IMPERATRIZ ELEONORA GONZAGA ENTRE 1638 E 1643
NOS GRANDES JARDINS DO PALÁCIO ESTÁ LOCALIZADO UM LABIRINTO PÚBLICO. O BILHETE DA ENTRADA PERMITE A ENTRADA NO LABIRINTO, ASSIM COMO NUM CONJUNTO DE PUZZLES EXTERIORES, INCLUÍNDO UM JOGO DE MATEMÁTICA E UMA SÉRIE DE FONTES.
OS JARDINS FRANCESES DO PARQUE FORAM DESENHADOS, EM 1695, POR JEAN TRÉHET, ALUNO DE ANDRÉ LE NÔTRE. O PARQUE COMPREENDE FALSAS RUÍNAS ROMANAS E UM LARANJAL, APANÁGIO DOS PALÁCIOS DE LUXO DAQUELA ÉPOCA. O CIMO DO PARQUE É OCUPADO PELA GLORIETTE, UM EDIFÍCIO EM ESTILO NEOCLÁSSICO, DESENHADO POR FERDINAND VON HOHENBERG, DE ONDE SE DISPÕE DE UMA VISTA PANORÂMICA SOBRE O PALÁCIO E SOBRE A CIDADE DE VIENA.
O PALÁCIO BARROCO FOI RESIDÊNCIA DE VERÃO DA FAMÍLIA IMPERIAL AUSTRÍACA DESDE MEADOS DO SÉCULO XVIII ATÉ AO FINAL DA SEGUNDA GUERRA MUNDIAL. NESSE PERÍODO, O EDIFÍCIO FOI HABITADO QUASE CONTINUAMENTE POR VÁRIAS CENTENAS DE PESSOAS DA VASTA CORTE, TORNANDO-SE NUM CENTRO CULTURAL E POLÍTICO DO IMPÉRIO HABSBURGO.
AQUI VIVEU ATÉ 1817, DATA DE SEU CASAMENTO COM D. PEDRO I, A ARQUIDUQUESA D. LEOPOLDINA DE HABSBURGO, QUE TEVE TÃO GRANDE PAPEL NA INDEPENDÊNCIA DO BRASIL.
O SCHÖNBRUNN TEM SIDO UMA DAS PRINCIPAIS ATRACÇÕES TURÍSTICAS DA CIDADE DE VIENA DESDE O SÉCULO XIX, SENDO UM DOS MAIS IMPORTANTES E MAIS VISITADOS MONUMENTOS CULTURAIS DA ÁUSTRIA.
O PALÁCIO E O SEU PARQUE DE CERCA DE 160 HA ESTÁ CLASSIFICADO DESDE 1996 COMO PARTE DO PATRIMÓNIO DA HUMANIDADE PELA UNESCO. TEM APARECIDO EM POSTAIS, DOCUMENTÁRIOS E DIVERSAS PRODUÇÕES CINEMATOGRÁFICAS.
UMA DAS PRINCIPAIS ATRACÇÕES DO PARQUE PALACIANO É O TIERGARTEN SCHÖNBRUNN, O MAIS ANTIGO JARDIM ZOOLÓGICO DO MUNDO, COM OS SEUS 16 HA.





fonte / fotos = Wikipédia / Thymonthy Becker / viajeaqui.abril.com.br / Divulgação / 

SUA VISITA AGRADECEMOS





Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

DIANÓPOLIS / TOCANTINS - Berço cultural do estado, tem mais à oferecer, cascatas, cachoeiras, museu e "garganta"; platô da serra geral com cânions e mirantes

LINHA DO TEMPO DA CIDADE DE "DIANÓPOLIS" / TOCANTINS / BRASIL DIANÓPOLIS
BEM VINDO A CIDADE DE DIANÓPOLIS. CIDADE DO DIANOFOLIA
imagem - ? População estimada 2016 (1) - 21.457
Área da unidade territorial 2015 (km²) - 3.217,313
Densidade demográfica 2010 (hab/km²) - 5,94
Código do Município 1707009
Gentílico - dianopolino
ORIGEM DO NOME DE DIANÓPOLIS, TO
A origem do nome "Dianópolis" está relacionada a Francisco das Chagas Moura, que foi prefeito do município entre os anos de 1934 a 1938. Então, a cidade chamava-se "São José do Du•ro". "Duro" era uma simplificação de "D´ouro", uma vez que a região era rica em ouro em seu subsolo. Quando prefeito, Francisco Moura indicou que a cidade fizesse uma homenagem às senhoras do lugar que chamavam-se "Custodiana", conhecidas pela alcunha de "Diana". Daí a indicação da cidade passar a chamar-se "Dianópolis", quer dizer, "Terra das Dianas".
Gentílico: …

MANHUAÇU / MINAS GERAIS - Rodeada por belezas naturais como o Pico da bandeira, belíssimas paisagens como as plantações de café, além de construções centenárias

LINHA DO TEMPO DE "MANHUAÇU" / MINAS GERAIS / BRASIL
Situada na zona da mata de Minas Gerais, Manhuaçu é o maior e mais desenvolvido município da região. Sua localização estratégica possui acesso a diversas rodovias estaduais e federais, estando rodeada por belezas naturais que você não pode deixar de conhecer. Manhuaçu também se destaca pela economia, que gira principalmente na produção de café. A produção regional é a maior do Brasil, sendo produtos de consumo nacional e internacional. Existem muitas fazendas de café na região, que além do impulso econômico, proporcionam uma belíssima paisagem.  Cafezal com pés carregado de café foto - ? Alguns dos maiores atrativos da cidade estão no Ecoturismo. Os principais pontos são a Pedra Furada, reservas Monte Alverne, Sítio Graciema e Mata do Sossego e os balneários Recanto no Paraíso e Cachoeira Sette. A cidade também é rica em patrimônio histórico. A Igreja Matriz São Lourenço, localizada no Centro, é o principal ponto da cidade, co…

CATAGUASES / MINAS GERAIS - Venha ver e fazer filmes nesta cidade cinematográfica. Deixe saudades e leve lembranças

LINHA DO TEMPO DA CIDADE DE "CATAGUASES" / MINAS GERAIS / BRASIL “O nome Cataguases vem – pelo menos, até provas em contrário, pois muitas são as controvérsias nessa cidade em constante questionamento – , pois é, o nome Cataguases parece que vem de uma tribo de índios que habitava a região, os ‘Catu-auás’. Dizem que o nome catu-auá significa em tupi-guarani ‘terra de gente boa’. E Cataguases sabe receber muito bem. Quem bebe da água do Rio Pomba nunca deixa de voltar. Dizem. ” Confira alguns dos mais importantes pontos turísticos de Cataguases. Além de inúmeras obras artísticas e arquitetônicas modernas tombadas pelo IPHAN (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), Cataguases também oferece inúmeras construções marcantes do final do século XIX, belíssimas paisagens naturais, museus, centros culturais e muito mais! PONTE METÁLICA (DE 1.914) A construção da Ponte Metálica foi determinada em 1910, devido à solicitação do deputado federal Astolpho Dutra Nicácio. Ela…