Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

WASSERSTRASSENKREUZ / ALEMANHA - RIO POR CIMA DE RIO - COM 920 METROS DE COMPRIMENTO, A MAIOR PONTE NAVEGÁVEL DO MUNDO EH UMA ATRAÇÃO TURÍSTICA

NANUQUE / MG






BEM VINDO A CIDADE DE NANUQUE. A PÉROLA DO MUCURI
AQUI UMA VISÃO GERAL DA CIDADE COM O RIO MUCURI QUE A CORTA AO MEIO
imagem - Wagson
NANUQUE TEM 40.834 HABITANTES
QUEM NASCE EM NANUQUE EH: NANUQUENSE
A CIDADE FAZ ANIVERSÁRIO EM 27 DE DEZEMBRO E FOI EMANCIPADA EM 1.948
ORIGEM DO NOME
Nanuque significa Bugre de cabelos negro
HISTÓRIA
A região que compreendia o município de Nanuque, desde o descobrimento do Brasil, atraía, demasiadamente, as atenções portuguesas, embora a presença dos ferozes índios Botocudos (Nak-Nucks, Giporoc, Pataxós, Machacalis, Potés, etc), impedisse a exploração adequada do local.
O Sr. Teófilo Benedito Otoni teve uma idéia em relação à região inóspita, habitada pelos ferozes Botocudos: submeteu o plano de sua Cia. de Comércio e Navegação do Rio Mucuri à consideração do Governo Imperial, que assinou parecer favorável a 31 de março de 1874. Ele larga do rio, a 4 de setembro do mesmo ano a bordo do Princesa Imperial, chega à Vila de São José do Porto Alegre (atualmente Mucuri - BA) e depois prossegue até as proximidades de Santa Clara. A inavegabilidade do Mucuri a partir de Santa Clara não o desanimaria, e sua Cia. de Navegação efetivada pelo Decreto n° 802 de 12/07/1851, passaria a construir estradas. Depois da Cia. de Comércio e Navegação do Mucuri, sob responsabilidade de Teófilo Otoni, outro empreendimento, tendo a frente o engenheiro Miguel de Teive e Argolo, seria propulso-civilizador do Mucuri. Em 25/10/1878, a Lei mineira de n° 2.775 e a baiana de n° 1.946, de 28/08/1879, davam origem a Estrada de Ferro Bahia - Minas, que só se iniciou a 25 de janeiro de 1881, tendo a 9 de novembro do mesmo ano quase 143 km em tráfego.
A região ficou conhecida como Sete de Setembro, devido a um córrego com este nome, que desembocava no rio Mucuri. Na fazenda Cachoeira, de propriedade de Antônio Barroso, no km 170 da Estrada de Ferro Bahia - Minas, onde as locomotivas passavam, quando em trânsito, para se abastecerem de água e lenha, exatamente no pontilhão. O serviço era feito por intermédio de baldes, não havia bombas nem caixa d'água. Depois, por construírem uma Caixa D'água, entre a atual e a estação da EFBM, a localidade adotou esta denominação, assim permanecendo durante algum tempo.
Em 1911 o armador João Américo Machado, depois arrendatário da EFBM, fez uma visita a Caixa D'água e entendeu-se com a família Schieber adquirindo terrenos por quinhentos mil réis para instalar uma grande serraria. Ao retornar, João Américo veio de uma só vez com vasto material e ferramentas, famílias de nacionalidades diversas, operários de várias especialidades e um carro da Estrada de Ferro que foi transformado em estação e nele instalado um aparelho Morse. Com a inauguração da Serraria Industrial do Mucuri, a 7 de Setembro de 1912, consagrou-se esta data como de fundação do povoado Caixa D'água. O carro-estação telégrafo assim funcionou até 30 de julho de 1918 quando se inaugurava a Estação Presidente Bueno, homenageando a Bueno Brandão ao assumir o governo do Estado. O nome seria extensivo à localidade por alguns anos.
imagem - Wagson
AEROPORTO
imagem - Jurandir Rios
ALBERGUE MUNICIPAL
imagem - Jurandir Rios
EXTINTA FÁBRICA DE TECIDOS
imagem - Wagson
CACHOEIRA
imagem - Stelio Bueno
FACULDADE
imagem - PMN
FIAT AUTOMÓVEIS
imagem - Jurandir Rios
LAGOA DOS NAMORADOS
imagem - Evando Costa
MATRIZ DE NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO
imagem - Vicente A. Queiroz
A MATRIZ NO CONTEXTO DA RUA
imagem - Jurandir Rios
FAMOSA PEDRA DO BUENO
imagem - Stelio Almeida
imagem - Evando Costa
imagem - Evando Costa
SUPER MERCADO
imagem - Jurandir Rios
ESTAÇÃO RODOVIÁRIA
imagem - Jurandir Rios
SEDE DO PODER EXECUTIVO - PREFEITURA -
imagem - PMN
CONHEÇA UM POUCO MAIS A CIDADE DE NANUQUE
imagem - Jurandir Rios
imagem - Jurandir Rios
imagem - Stelio Bueno
imagem - Ademir de Matos
imagem - Jurandir Rios
imagem - Jurandir Rios
imagem - Jurandir Rios
imagem - Evando Costa
imagem - Jurandir Rios
imagem - Jurandir Rios
imagem - Jurandir Rios
imagem - Jurandir Rios
imagem - Jurandir Rios
imagem - Jurandir Rios
imagem - Jurandir Rios
RIO MUCURI
imagem - Hersino
imagem - Gegeu
ESTA EH A BANDEIRA DA CIDADE
ESTE EH O BRASÃO DO MUNICÍPIO




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

INHAPIM / MINAS GERAIS - No vale do Rio Doce entre as Verdes Montanhas das Minas gerais, uma cidade hospitaleira e charmosa

LINHA DO TEMPO DE "INHAPIM" / MINAS GERAIS / BRASIL
foto - Byllea INHAPIM TEM UMA POPULAÇÃO DE 24.269 HABITANTES(IBGE 2010) Quem nasce em Inhapim é: INHAPINHENSE

ORIGEM DO NOME A origem do nome da cidade vem do pássaro inhapim (Icterus cayanenis) nativo da região.
foto - ? Inhapim é uma palavra do tupi que significa “amanhece” ou “amanhecer”.
A igreja matriz é a porta de entrada da cidade.

foto - ? CONHEÇA UM POUCO MAIS DE INHAPIM POR FOTOS BAIRRO SANTO ANTÔNIO Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira
Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira
Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira
Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira
Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira DISTRITO DE MACADAME Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira
Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira
Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira AABB (ASSOCIAÇÃO ATLÉTICA BANCO DO BRASIL) Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira

PONTE NOVA - NAS MARGENS DO RIO PIRANGA

BEM VINDO A CIDADE DE PONTE NOVA. TERRA NATAL DE REINALDO -  ÍDOLO DO CLUBE ATLÉTICO MINEIRO E DA DUPLA SERTANEJA VICTOR & LÉO
foto - ?
PONTE NOVA TEM 57.390 HABITANTES - IBGE 2010 -
QUEM NASCE EM PONTE NOVA EH: PONTENOVENSE
A CIDADE FAZ ANIVERSÁRIO EM 30 DE OUTUBRO E FOI EMANCIPADA EM 1.856
ORIGEM DO NOME 

SÃO LUIZ DO PARAITINGA / SÃO PAULO - Em um cenário de ladeiras, ruas, praças, casarões antigos, acontece o carnaval de marchinhas que atrai milhares de turistas anualmente

LINHA DO TEMPO DA CIDADE DE "SÃO LUIZ DO PARAITINGA" / SÃO PAULO / BRASIL A parte central da área urbana foi tombada em 1982 pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico (Condephaat) A Igreja das Mercês foi reerguida com êxito e inaugurada com grande festa no fim de 2011. Paralelamente, surgem novas atrações, como é o caso do Instituto Elpídio dos Santos, um casarão reformado que conta a trajetória do músico nascido na cidade (e traz um memorial sobre as dificuldades enfrentadas nas enchentes). São Luiz do Paraitinga, São Paulo COMO CHEGAR Quem vem de São Paulo deve seguir pelo Complexo Ayrton Senna/Carvalho Pinto até o final e entrar na Via Dutra. Depois de 10 km, em Taubaté, vire à direita na Rod. Oswaldo Cruz (SP-125), seguindo até a cidade. Quem vem do Rio de Janeiro e outros estados ao Norte, deve pegar a Via Dutra até Taubaté. São Luiz é a cidade paulista com o maior número de imóveis tombados Patrimônio Histórico COMO CIRCULAR Além d…

CABECEIRA GRANDE / MG

SEJA BEM VINDO A CIDADE DE CABECEIRA GRANDE. ÚNICO MUNICÍPIO MINEIRO A FAZER DIVISA COM O DISTRITO FEDERAL. AQUI UM PATRIMÔNIO CULTURAL DA CIDADE. A CAPELA BOLÍVIA imagem - PMCG CABECEIRA GRANDE TEM 6.453 HABITANTES - IBGE 2010 - QUEM NASCE EM CABECEIRA GRANDE EH: CABECEIRENSE A CIDADE FAZ ANIVERSÁRIO EM 22 DE DEZEMBRO E FOI EMANCIPADA EM 1.955 ORIGEM DO NOME UMA REFERÊNCIA A CABECEIRA DO RIO QUE A SERVE. HISTÓRIA O DESENVOLVIMENTO DE CABECEIRA GRANDE TORNOU-SE MAIS ACELERADO COM A CONSTRUÇÃO DE BRASÍLIA, QUE FICA A 120 km DE DISTÂNCIA. CONTRIBUI BASTANTE TAMBÉM PARA ESTE DESENVOLVIMENTO A ABERTURA DA ESTRADA UNAÍ — BRASÍLIA VIA CABECEIRA GRANDE E PALMITAL. AS PRIMEIRAS DOAÇÕES DE TERRAS FORAM FEITAS PELOS SRS. TRAJANO CAETANO COSTA E PEDRO COSTA FILHO, QUE DECIDIRAM FAZER O ASSENTAMENTO DE UM FUTURO POVOADO. OS PRINCIPAIS POVOADOS DO MUNICÍPIO SÃO: PAU TERRA, BONSUCESSO, VÃO-DE-MOREIRA, RIACHO DO PÉ E O DISTRITO DE PALMITAL. AQUI A SEDE DO PODER EXECUTIVO - PREFEITURA - E BANCO BRAZIL imagem - Ma…

CARMO DO CAJURU / A CIDADE DOS MÓVEIS

UM AMANHECER COMO ESTE, SÓ EM CARMO DO CAJURU. 
foto - ?
ALGUNS DADOS INTERESSANTES SOBRE CARMO DO CAJURU: POPULAÇÃO: 20.018 HABITANTES (IBGE 2010) HOMENS: 9.600 (APROXIMADAMENTE) MULHERES: 9.400 (APROXIMADAMENTE) ALTITUDE: 772 METROS (MÉDIA) A ECONOMIA DO MUNICÍPIO COMEÇOU COM UMA FÁBRICA DE MANTEIGA, DEPOIS DE FARINHA E MACARRÃO. HOJE SUA ECONOMIA BASEIA-SE NA INDÚSTRIA MOVELEIRA, QUE UMA DAS MELHORES DO BRAZIL. ONDE OS MÓVEIS PRODUZIDOS EM CARMO DO CAJURU SÃO VENDIDOS EM TODO O BRAZIL E EXPORTADO PARA ALGUNS PAÍSES DO MERCO SUL

ESTE É O CASTELO DA LÍDER INTERIORES. ELE FICA NA CIDADE DE MATEUS LEME. MAS PERTENCE A FABRICA DE MOVEIS DE CARMO DO CAJURU
foto - Mauricio Cardim CARMO DO CAJURU, FOI FUNDADA EM DEZEMBRO DE 1948 QUEM NASCE EM CARMO DO CAJURU É: CAJURUENSE O IDH DO MUNICÍPIO É DE: 0,774, CONSIDERADO MÉDIO PELOS INDICADORES DA ONU EM CARMO DO CAJURU, TEM A MAIS FAMOSA FABRICA DE MÓVEIS DO PAÍS. É ALÍDER INTERIORES, QUE FABRICA OS MAIS BONITOS E MODERNOS MÓVEIS DA INDUSTRIA MOVELEIRA. A LÍDER …

EXTREMA / MG - PORTAL DE MINAS / EXTREMAMENTE BELA

BEM VINDO A CIDADE DE EXTREMA. O PORTAL DE MINAS. EXTREMAMENTE BELA. imagem - Vinícius Pazzoto EXTREMA TEM 28.599 HABITANTES - IBGE 2010 -  QUEM NASCE EM EXTREMA EH: EXTREMENSE A CIDADE FAZ ANIVERSÁRIO EM 16 DE SETEMBRO E FOI EMANCIPADA EM 1.901 ORIGEM DO NOME O topônimo explica-se pela própria localização geográfica do local, situado no extremo sul do estado de Minas Gerais. Anteriormente, o local chamou-se também, Registro e Santa Rita de Extrema. A primeira dessas denominações explica-se pela mudança do então Registro de Mandu (Pouso Alegre) para a margem do Rio Jaguari, mudança essa determinada pelo Governador General Luiz Diogo da Silva, dando-se a transferência pelo Assento de 29 de novembro de 1764. A segunda - Santa Rita da Extrema -, o foi em homenagem à padroeira do lugar, Santa Rita, e em função da situação geográfica, como ficou dito. HISTÓRIA O núcleo inicial, segundo a tradição que congregou os primeiros moradores da vila de Extrema foi uma ermida, cuja construção data de época n…

CURVELO / BERÇO DA CURVELANA / A MAIS ELEGANTE FACA BRASILEIRA

BEM VINDO A CIDADE DE CURVELO. CIDADE-MÃE DE INÚMERAS OUTRAS
imagem - Tonhão Costa
CURVELO TEM 74.219 HABITANTES - IBGE 2010 -
QUEM NASCE EM CURVELO EH: CURVELANO
A CIDADE FAZ ANIVERSÁRIO EM 30 DE JULHO E FOI FUNDADA EM 1.875
ORIGEM DO NOME

CÓRREGO FUNDO - 2ª PÁGINA

SEJA MUITO BEM VINDO DE VOLTA À CIDADE DE CÓRREGO FUNDO. TRÊS DISTRITOS QUE SE UNIRAM PARA FORMAR ESTA PEQUENA GRANDE CIDADE DO CENTRO OESTE DAS MINAS GERAIS. DO SONHO À REALIDADE. foto - Thymonthy Becker
CLIK AQUI E VEJA A PRIMEIRA PÁGINA DE CÓRREGO FUNDO
CONHEÇA UM POUCO MAIS DE CÓRREGO FUNDO PELAS LENTES DE MINHA CÂMERA. VEJA ONDE ESTAMOS. CÓRREGO FUNDO JÁ PERTENCEU ÀS CIDADES DE OURO PRETO, SÃO JOÃO DEL REY, TIRADENTES, ITAPECERICA E, POR ÚLTIMO, FORMIGA.

CÓRREGO FUNDO ESTÁ A 727 QUILÔMETROS (08h50min) DA CAPITAL FEDERAL A CIDADE SE ENCONTRA A 203 QUILÔMETROS (03h00min) DA CAPITAL MINEIRA. O MUNICÍPIO ESTÁ A 87 QUILÔMETROS (01h20min) DE DIVINÓPOLIS AQUI PODEMOS VER A SEDE DO GOVERNO MUNICIPAL. FICA NO CÓRREGO FUNDO DE CIMA. foto - Thymonthy Becker ESTIVE EM CÓRREGO FUNDO DIAS ATRÁS E CONHECI UM POUCO MAIS DA HISTÓRIA DA CIDADE. (NÃO PUDE VISITAR, AINDA, CÓRREGO FUNDO DO MEIO) CÓRREGO FUNDO FOI FORMADA COM A UNIÃO DE TRÊS DISTRITOS PRÓXIMOS UM DOS OUTROS.  (CÓRREGO FUNDO DE BAIXO) (CÓRREGO FUND…

ITABIRITO - ENTRE A HISTÓRIA E A MODERNIDADE

BEM VINDO A CIDADE DE ITABIRITO. TERRA DO FAMOSO E PATRIMÔNIO CULTURAL, PASTEL DE ANGU.
foto - Gui Torres
ITABIRITO TEM 45.449 HABITANTES - IBGE 2010 -
QUEM NASCE EM ITABIRITO EH: ITABIRITENSE
A CIDADE FAZ ANIVERSÁRIO EM 07 DE SETEMBRO E FOI EMANCIPADA EM 1.923
ORIGEM DO NOME

PARAOPEBA

BEM VINDO AO MAR AZUL. MUITO BEM VINDO A CIDADE DE PARAOPEBA / CAPITAL NACIONAL DO QUIABO foto - Thymonthy Becker HISTÓRIA Afirma a tradição que foi o Cel. Marques, donatário da Sesmaria, que ao deparar-se com uma onça no meio da mata, indefeso e julgando-se perdido, ele, como católico e de fé, ajoelhou-se e fez uma prece a Nossa Senhora do Carmo rogando que, se sua vida fosse salva, mandaria construir uma capela em sua honra. O animal não o atacou e ele se retirou são e salvo. Posteriormente, ele voltou e cumpriu a promessa, fazendo construir uma capelinha dedicada à Nossa Senhora do Carmo (Padroeira de Paraopeba). Aos poucos, por ser um local de passagem obrigatória dos tropeiros que conduziam boiadas para o sertão da Bahia, foram surgindo algumas casas em torno da capela e o lugar passou a ser chamado de Nossa Senhora do Tabuleiro Grande. Tabuleiro Grande porque tabuleiro era o nome com que os antigos costumavam caracterizar os pontos mais ou menos elevados e de vastas superfícies plana…