sábado, 17 de setembro de 2016

PARLAMENTO DE BUDAPESTE / HUNGRIA - Estima-se que foram usados 40 milhões de tijolos, meio milhão de pedras preciosas e 40 kg de ouro em sua construção




LINHA DO TEMPO DO "PARLAMENTO DE BUDAPESTE" / HUNGRIA 
Localizado junto ao Danúbio, o prédio do Parlamento é uma das principais construções de Budapeste e certamente a mais atraente. Reza a lenda que foi inspirado no Palácio de Westminster de Londres, com a adição de torres com em estilo gótico. De tempos em tempos ganha uma limpeza para retirar a fuligem de suas estruturas externas, que ganham aspecto enegrecido (e mais fotogênico, diga-se). O melhor local para fotografar o Parlamento é do outro lado do rio, no morro do castelo, mas para os interessados em visitar o prédio, duas excursões diárias com guias em inglês podem ser agendadas.
Parlamento de Budapeste (em húngaro: Országház) é o local onde se reúne a Assembleia Nacional da Hungria, e um dos edifícios legislativos mais antigos da Europa, que constitui um notável exemplo paisagístico da Hungria e um destino muito popular em Budapeste.
Ergue-se na Praça Kossuth Lajos, na margem do Danúbio. Atualmente detém o título de maior edifício da Hungria, e o de segundo maior parlamento na Europa.
Budapeste foi constituída da união de três cidades em 1873 e, sete anos depois, a Assembleia Nacional publicou um concurso para a construção de um edifício representativo do Parlamento, que fosse símbolo da soberania da nação. 
A competição foi vencida por Imre Steindl, embora os planos dos outros dois concorrentes tenham sido também realizados em frente ao Parlamento: um serve hoje como o Museu Etnográfico, e outro como Ministério da Agricultura.
A construção do projeto vencedor teve início em 1885, tendo a inauguração decorrido no 1000º aniversário do país em 1896. A conclusão do edifício deu-se a 1904. Como curiosidade, o arquiteto do edifício tornou-se vítima de cegueira antes da conclusão do mesmo.
O edifício fica sobre a superfície de 18 000 metros quadrados tem 700 salas e gabinetes, 27 entradas, nos seus 2 lados simétricos erguem-se a Câmara Alta e a Câmara Baixa, hoje é o lugar da assembléia nacional com 386 deputados. Tem uma sala central com cúpula, onde guardam a coroa do primeiro rei húngaro, do Santo Estêvão.
Estima-se que estiveram cerca de mil pessoas envolvidas nos trabalhos, em cujos alicerces se estimam 40 milhões de tijolos, meio milhão de pedras preciosas e 40 kg de ouro.

fonte / fotos = Wikipédia / Thymonthy Becker / viajeaqui.abril.com.br / 


VALEU PELA VISITA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Minas são muitas, Todas são gerais