quinta-feira, 8 de setembro de 2016

ENCRUZILHADA DO SUL / RIO GRANDE DO SUL - Para quem gosta de esportes de aventura, trilhas de fora de estrada, Jeep Cross e tradicionais festas Sulinas




LINHA DO TEMPO DE "ENCRUZILHADA DO SUL" / RIO GRANDE DO SUL / BRASIL
ENCRUZILHADA DO SUL / RIO GRANDE DO SUL / BRASIL
ENCRUZILHADA DO SUL, A CIDADE DA FESTA DO BUMBA MEU BOI E DAS TRILHAS DE FORA DE ESTRADA E JEEP CROSS.
imagem - Ubirajara Buddin Cruz
População estimada 2016 (1) - 25.801
Área da unidade territorial 2015 (km²) - 3.348,319
Densidade demográfica 2010 (hab/km²) - 7,33
Código do Município 4306908
Gentílico - Encruzilhadense

ORIGEM DO NOME
A primitiva denominação “Santa Bárbara de Encruzilhada” constituiu uma homenagem indireta ao destacamento de dragões, sediado no local, na época das lutas contra os espanhóis. Como se sabe, Santa Bárbara é ainda hoje a padroeira dos artilheiros. Por sua vez, o nome de “Encruzilhada” se prende ao fato de a cidade ter tido começo num local onde se cruzavam dois caminhos em sentido transversal. Em 1943, quando da revisão geral da toponímia brasileira, a cidade passou a chamar-se “Encruzilhada do Sul”.
HISTÓRICO 
Encruzilhada do Sul Rio Grande do Sul - RS 
Histórico 
Fazendo parte da Campanha e atravessando pela serra do Erval, o município de Encruzilhada do Sul, antigo Santa Bárbara de Encruzilhada, experimentou, no meado do século XVIII, os primeiros esforços de colonização. Nesta época, para os terrenos do sesmeiro Antônio Machado de Bitencourt afluíram inúmeros colonizadores, provenientes das ilhas dos Açôres, de Laguna, de São Paulo e de Rio Pardo. A estes grupos juntaram-se alguns indígenas, oriundos do Território das Missões, que para aí se dirigiram com o objetivo especial de amanhar a terra. A capacidade de trabalho dessa gente de origem diversa haveria de compensar a carência de recursos técnicos. A partir daí, a novel colônia foi registrando, na marcha dos tempos, um progresso lento mas constante. 
No fim do século XVIII, os padres jesuítas, no local onde a comunidade se havia concentrado, levantaram a capela de Santa Bárbara de Encruzilhada, que se constituiu em fator ponderável para o adensamento de um núcleo populacional já em formação. E no ano de 1837, a 17 de novembro, por lei provincial nº 6, Santa Bárbara de Encruzilhada era elevada à categoria de freguesia. Em 1874, por providência do então governador provincial, outra leva de colonos de origem francesa, dirigira-se para a localidade de D. Feliciano, pertencente ao território do atual município. Caberia, entretanto, aos imigrantes poloneses, que o engenheiro Alfredo Álvaro da Silveira conseguira atrair para a região, dar o mais importante impulso para o desenvolvimento efetivo de toda a colônia. Aí chegando, os poloneses, dentro de seu caraterístico espírito comunitário, trataram de por em prática um sistema próprio de organização e expandiram, na medida do possível o cultivo das áreas agrícolas. 
Dotado de privilégio especial da natureza, o município de Encruzilhada do Sul é recortado de norte a sul por um sistema de múltiplos arroios, o que lhe empresta uma garantia permanente contra o perigo das estiagens prolongadas e lhe reforça a exuberante fertilidade do solo. 
Gentílico: encruzilhadense
ESTA EH A ESTAÇÃO RODOVIÁRIA DA CIDADE
imagem - PMES
AQUI A FAZENDA DA LAPA- FOI A RESIDÊNCIA OFICIAL DE DOM FELICIANO RODRIGUES PRATES, PRIMEIRO BISPO DO RIO GRANDE DO SUL.
A Fazenda da Lapa é o maior patrimônio histórico de Encruzilhada do Sul. Construída em 1834 no estilo colonial, a sede fica a 5 km do centro de Encruzilhada do Sul. Atualmente pertence ao Sr. Afonso Mibielli, filho de Pedro Afonso Mibielli, ex-ministro do Supremo Tribunal Federal e ex-Deputado Estadual do RS. A Residência, inicialmente, foi propriedade do Bispo Feliciano Prates, o 1º Bispo do RS, razão pela qual possui uma capela agregada com acesso independente. Basicamente, a residência se organiza numa circulação central que organiza a planta, conduzindo desde a entrada, ao longo de salas e alcovas, até uma ampla sala
imagem - Lucas Duarte
TRILHAS DE JEEP CROSS
imagem - ?
PRAÇA BARÃO DE QUARAÍ. MONUMENTO A FARROUPILHA
imagem - PMES
RUA RIO BRANCO. UMA DAS PRINCIPAIS DA CIDADE
imagem - Henrique de Borba
SINDICATO RURAL DA CIDADE
imagem - Henrique de Borba
TRILHAS DE MOTOS
imagem - ?
A CIDADE VISTA DO AÇUDE
imagem - Ubirajara Buddin Cruz
CACHOEIRA DA REGIÃO
imagem - ?
CASA DE CULTURA
imagem - PMES
ESTE CASARÃO EH TOMBADO PELO PATRIMÔNIO HISTÓRICO
imagem - Ubirajara Buddin Cruz
imagem - ?
DETALHE DA ARQUITETURA DO FÓRUM DE JUSTIÇA
imagem - Ubirajara Buddin Cruz
imagem - Ubirajara Buddin Cruz
ESCOLA MUNICIPAL
imagem - Ubirajara Buddin Cruz
AQUI O FÓRUM DE JUSTIÇA
imagem - Ubirajara Buddin Cruz
AQUI A LATERAL DA MATRIZ DE SANTA BÁRBARA
imagem - Ubirajara Buddin Cruz
A PRAÇA VISTA DE CIMA
imagem - Lucas Duarte
 
ESTA EH A MATRIZ DE SANTA BÁRBARA
imagem - Ubirajara Buddin Cruz
A MATRIZ DE SANTA BÁRBARA NO CONTEXTO DA PRAÇA
imagem - Ubirajara Buddin Cruz
AQUI A PRAÇA OZY TEIXEIRA. 
A PIRA DESTA PRAÇA FOI TALHADA POR "FERNANDO ROMAGNOLI" QUE RECEBEU POR JUSTA HOMENAGEM UMA RUA COM SEU NOME.
imagem - Ubirajara Buddin Cruz
TAMBÉM A PRAÇA OZY TEIXEIRA
imagem - Ubirajara Buddin Cruz
SINO DOS MISSIONÁRIOS DE 1.866
imagem - PMES
OPÇÕES DE HOSPEDAGEM / SUGESTÕES
CENTER EXECUTIVE HOTEL
O CENTER Executive HOTEL é fruto da tradição de mais de 30 anos no ramo hoteleiro de Encruzilhada do Sul. 
Aliando tradição e modernidade, conforto e qualidade, dispomos das melhores instalações da cidade para atendê-lo. Ambientes climatizados, estacionamento fechado, atendimento personalizado, sala de estar com os jogos dos principais campeonatos do país em todas as modalidades, internet wi-fi e toda a comodidade que você merece. 

ENTORNO DA CIDADE DE ENCRUZILHADA DO SUL
imagem - Ubirajara Buddin Cruz
VINHEDOS NA ZONA RURAL
imagem - Ubirajara Buddin Cruz
ENCRUZILHADA DO SUL NO ENTARDECER
imagem - Lucas Duarte
 ESTA EH A BANDEIRA DA CIDADE
AQUI O BRASÃO DO MUNICÍPIO
fonte / fotos = Wikipédia / Thymonthy Becker / Portal da Prefeitura Municipal / IBGE / Divulgação / 





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Minas são muitas, Todas são gerais