quarta-feira, 21 de setembro de 2016

TORRE DE BELÉM / LISBOA / PORTUGAL - Já foi forte, prisão, alfândega e farol, e hoje eh o maior símbolo do país - não por acaso está em dezenas de latas de azeite mundo afora -



LINHA DO TEMPO DE "TORRE DE BELÉM" / LISBOA / PORTUGAL
Em cinco séculos de história, a Torre de Belém já foi forte, prisão, alfândega e farol, e hoje é o maior símbolo do país – não por acaso, está retratada em dezenas de latas de azeite mundo afora. Originalmente erguida numa ilha no estuário do Tejo, quase no meio do curso do rio – alterações no curso fluvial e aterros a trouxeram junto à margem –, ela servia como baluarte defensivo para o porto em épocas antigas. Sua elaborada ornamentação, típica do estilo manuelino, remete às conquistas no Oriente e traz diversos motivos navais.
A Torre de Belém, junto ao Rio Tejo, protegia a entrada dos navios que chegavam a Lisboa. Inaugurada em 1521, a fachada é repleta de imagens de santos, brasões, cruzes e o escudo real
Torre de Belém, no rio Tejo, em Lisboa, Portugal
Uma atração adicional é a vista que oferece tanto do rio como de boa parte da região de Belém, incluindo o Padrão dos Descobrimentos, o monumento adjacente. 
Entrada gratuita domingos e feriados até as 14h. 
Horário de funcionamento: 
Abre: Mai/set: 3ª/dom 10h/18h30; out/abr: 3ª/dom 10h/17h30 
Avenida de Brasília 
+351 (21) 362-0034 
www.torrebelem.pt
A Torre de Belém contra o ocaso do Tejo, em Lisboa
A TORRE DE BELÉM É UM DOS MONUMENTOS MAIS EXPRESSIVOS DA CIDADE DE LISBOA.
LOCALIZA-SE NA MARGEM DIREITA DO RIO TEJO, ONDE EXISTIU OUTRORA A PRAIA DE BELÉM. INICIALMENTE CERCADA PELAS ÁGUAS EM TODO O SEU PERÍMETRO, PROGRESSIVAMENTE FOI ENVOLVIDA PELA PRAIA, ATÉ SE INCORPORAR HOJE À TERRA FIRME.
O MONUMENTO SE DESTACA PELO NACIONALISMO IMPLÍCITO, VISTO QUE É TODO RODEADO POR DECORAÇÕES DO BRASÃO DE ARMAS DE PORTUGAL, INCLUINDO INSCRIÇÕES DE CRUZES DA ORDEM DE CRISTO NAS JANELAS DE BALUARTE; TAIS CARACTERÍSTICAS REMETEM PRINCIPALMENTE À ARQUITETURA TÍPICA DE UMA ÉPOCA EM QUE O PAÍS ERA UMA POTÊNCIA GLOBAL (A DO INÍCIO DA IDADE MODERNA).
CLASSIFICADA COMO PATRIMÔNIO MUNDIAL PELA UNESCO DESDE 1983, FOI ELEITA COMO UMA DAS SETE MARAVILHAS DE PORTUGAL EM 7 DE JULHO DE 2007.
ORIGINALMENTE SOB A INVOCAÇÃO DE SÃO VICENTE DE SARAGOÇA, PADROEIRO DA CIDADE DE LISBOA, DESIGNADA NO SÉCULO XVI PELO NOME DE BALUARTE DE SÃO VICENTE A PAR DE BELÉM E POR BALUARTE DO RESTELO, ESTA FORTIFICAÇÃO INTEGRAVA O PLANO DEFENSIVO DA BARRA DO RIO TEJO PROJETADO À ÉPOCA DE JOÃO II DE PORTUGAL (1481-95), INTEGRADO NA MARGEM DIREITA DO RIO PELO BALUARTE DE CASCAIS E, NA ESQUERDA, PELO BALUARTE DA CAPARICA.
O MONUMENTO REFLETE INFLUÊNCIAS ISLÂMICAS E ORIENTAIS, QUE CARACTERIZAM O ESTILO MANUELINO E MARCA O FIM DA TRADIÇÃO MEDIEVAL DAS TORRES DE MENAGEM, ENSAIANDO UM DOS PRIMEIROS BALUARTES PARA ARTILHARIA NO PAÍS (VER FORTALEZAS).
PARTE DA SUA BELEZA RESIDE NA DECORAÇÃO EXTERIOR, ADORNADA COM CORDAS E NÓS ESCULPIDAS EM PEDRA, GALERIAS ABERTAS, TORRES DE VIGIA NO ESTILO MOURISCO E AMEIAS EM FORMA DE ESCUDOS DECORADAS COM ESFERAS ARMILARES, A CRUZ DA ORDEM DE CRISTO E ELEMENTOS NATURALISTAS, COMO UM RINOCERONTE, ALUSIVOS ÀS NAVEGAÇÕES.
O INTERIOR GÓTICO, POR BAIXO DO TERRAÇO, QUE SERVIU COMO ARMARIA E PRISÃO, É MUITO AUSTERO.
A SUA ESTRUTURA COMPÕE-SE DE DOIS ELEMENTOS PRINCIPAIS: A TORRE E O BALUARTE. NOS ÂNGULOS DO TERRAÇO DA TORRE E DO BALUARTE, SOBRESSAEM GUARITAS CILÍNDRICAS COROADAS POR CÚPULAS DE GOMOS, RICAMENTE DECORADA EM CANTARIA DE PEDRA.
A TORRE QUADRANGULAR, DE TRADIÇÃO MEDIEVAL, ELEVA-SE EM CINCO PAVIMENTOS ACIMA DO BALUARTE, A SABER:

fonte / fotos = Thymonthy Becker / Wikipédia / viajeaqui.abril.com.br / 



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Minas são muitas, Todas são gerais